O que o filme Capitão Fantástico tem a dizer sobre nossa sociedade

12:37:00


Ben e Leslie criaram seus 6 filhos em floresta de acordo com sua filosofia de vida, o que era vista pelas pessoas a sua volta como algo absurdo por não seguir as regras sociais convencionais da sociedade, porém, Leslie acaba deixando a família fazendo com que Ben e seus filhos tenham de enfrentar ainda mais o julgamento da sociedade por causa de sua forma de viver.



Captain Fantastic (2016) conta a história de Ben e seus seis filhos que além de esterem passando por um processo de luto por causa da perda da esposa e mãe, acabam em função dessa perda, sendo expostos a vários julgamentos pela sua forma diferente de vida, em que a família alimentada pelos ideias do pai, prega um novo estilo de vida, muito diferente do qual estamos acostumados.

O filme entre várias coisas que me chamaram a atenção, pode nos fazer refletir sobre  como estranho é nossa forma de viver e como criticamos e aparentemente excluímos pessoas que possuem ideais e formas de viver diferente dos nossos, uma sociedade muito bem retratada no filme que trás um espelho para enxergarmos uma sociedade em que  não podemos falar sobre a morte com crianças, pois é tratado  como algo impróprio, algo não permitido, enquanto isso essas crianças com a qual evitamos falar assuntos ditos como algo para adultos são expostas a filmes com mortes e outros conteúdos, jogos com conteúdos não "próprio para sua idade" a violência na televisão, internet e todas as outras formas de violência que se apresentam...

Isso tudo com o consentimento dos pais, estes, que acham impróprio discutir certos assuntos com seus filhos, deixando que a tv, o computador a sociedade fale por si, preferindo quando questionados contar histórias como "você foi encomendado pela cegonha" "foi plantado uma sementinha" ou até a maluquice do repolho, pois afinal, criança não entende o que adulto não sabe explicar, e isso foi uma das coisas que gostei do filme, a forma com que Ben se comunicava com seus filhos, esclarecendo suas dúvidas sem inventar histórias mirabolantes, mas ao mesmo tempo com cuidado em sua linguagem esclarecendo as dúvidas sem mentiras e é claro, sem traumatizar ninguém. Outro destaque vai para o respeito mutuo nessa família, em que as opiniões tanto do pai quanto de seus filhos eram discutida, não mostrando uma submissão desse pai, mas sim o respeito e atenção que ele dava as ideias de seus filhos que mereciam ser ouvidas e questionadas.




O filme também faz uma critica ao sistema educacional, mostrando seus dois lados, em que ao mesmo tempo em que é muito deficiente em fazer as pessoas se interessarem realmente em aprender, as escolas muitas vezes são os ambientes onde as crianças e jovens irão aprender a se relacionar na sociedade, a conviver com as pessoas, e por isso a escola deveria ser um ambiente para debate de ideias e discussões pois a escola não é uma preparação "para a vida lá fora" a escola deve estar integrada com o "mundo lá fora", não deve ser um universo isolado, é preciso debater e desenvolvermos nosso pensamento crítico também nesse lugar.



Enfim, o filme aborda muitas questões para refletirmos, como as diferentes formas de enfrentarmos perdas, o difícil processo de luto, a forma como lidamos com o adoecer e como é importante conseguirmos falar sobre isso. Por todos esses motivos e muitos outros que você também vai encontrar assista Captain Fantastic e de sua opinião também sobre ele, vamos exercitar nosso pensamento critico!



Leia também

0 comentários